cones Curiosidades

App promete facilitar a vida de quem procura onde estacionar

Um dos motivos que nos faz decidir por ir ou não a algum lugar de carro é a facilidade de estacioná-lo. Muitas vezes é super simples e sabemos direitinho onde encontrar aquela vaga ideal, a rua não é muito cheia ou existem manobristas. Outras vezes já conhecemos certa região e sabemos a dificuldade de se encontrar uma vaga por ali. Lembro de ficar um tempo absuuuurdo procurando vaga nas ruas do Itaim Bibi toda vez que saia da agência e ia visitar o Merigo.

Ter que apelar para o estacionamento quando vou ficar muito tempo em algum lugar geralmente é minha última opção, a não ser que eu esteja com muita pressa em estacionar logo o carro. Muitos estacionamentos fecham! Na época que eu estava na faculdade, as vezes fazendo trabalho depois da aula, eu esquecia que o estacionamento ao lado da ESPM, onde eu deixava meu carro, fechava às 23:30. Algumas vezes (sim, mais de uma!) aconteceu de eu ir buscar o carro e ele estar trancado dentro do estacionamento. Sem ninguém para atender, tive que voltar para casa de taxi e ir resgatar o carro no dia seguinte (ou na segunda-feira, na vez que eu esqueci de tirar o carro do estacionamento na sexta-feira).

A sensação de se encontrar uma bela vaga bem em frente ao local que você está indo é excelente, realizadora. Só quem tem carro entende a felicidade e paz que é encontrar a vaga perfeita na rua. Quase como ganhar na loteria! Pode parecer exagero, mas não é não! Se você já passou por esse aperto em qualquer situação, seja na rua ou no estacionamento do shopping, sabe muito bem do que eu estou falando.

Ou a irritação quando você a um tempo esperando AQUELA vaga e quando finalmente o carro deixa o local vem um engraçadinho, te corta e pega a vaga. Como é difícil se controlar nessa situação. Mas a gente respira e segue para a próxima, não antes de dar AQUELA buzinada básica!

Por exemplo, em um estudo feito em uma parte do Brooklyn em Nova York, motoristas procurando por uma vaga para estacionar representaram 45% do tráfego total, em outra área em Manhattan, no Upper West Side, foi constatado que as pessoas dirigem cerca de 589.000 kilometros por ano procurando por um lugar para parar.

Alegrias e frustações da liberdade de ir e vir a qualquer momento, porque afinal, a gente não troca a comodidade de se ter um carro. Um meio de transporte sempre a nossa disposição a qualquer hora do dia e da noite (a não ser quando ele está trancado no estacionamento por descuido da motorista aqui!).

Porém, seus problemas com estacionamento estão para acabar! É o que promete uma nova empresa de Nova York chamada Parking Auction. Imagina saber no seu celular onde existe uma vaga livre na região? Isso em breve será possível com a ajuda de um aplicativo para celular.

Parking Auction vende vagas utilizando o formato de leilão (como no Mercado Livre) em tempo real, conectando motoristas que estão deixando uma vaga com aqueles que estão a procura de uma. Usuários com uma vaga para compartilhar começam indicando onde é o lugar, assim como outras especificações, como por exemplo, as limitações da vaga, o eles querem receber pela vaga, o tipo de carro que eles dirigem e seu número de celular para contato. Enquanto isso, compradores potenciais da vaga indicam alguns outros detalhes, como a urgência que eles precisam de encontrar um lugar para estacionar e que tipo de carro eles têm. Assim que o “vendedor” da vaga e o “comprador” concordam em um lance, a negociação é feita e a vaga passa para a outra pessoa.

Vale ressaltar que não é realmente o ponto da vaga que está à venda no leilão, até porque, a maioria delas, são de propriedade pública. Pelo contrário, o que está a venda é a informação sobre onde uma vaga está prestes a abrir. ”Uma empresa que vende informações sobre qual a melhor rota para chegar a algum lugar não está vendendo a estrada”, como Parking Auction ressalta. Se outro motorista chega no local antes que o comprador chegar, não há nada a ser feito e a negociação não é finalizada.

Parking Auction está em fase de testes em Nova York e os primeiros usuários receberam 50 créditos no leilão de vagas para usarem comprando e vendendo, mas se tudo correr bem, a ideia é usar dinheiro de verdade. De acordo com um relatório da Revista Wired, quando isso acontecer, a empresa “Parking Auction” receberá uma pequena comissão em cada transação finalizada.

A ideia é super interessante e se aderida, pode realmente ajudar demais os motoristas e facilitar a jornada pela vaga na rua. E você, qual sua opinião sobre o aplicativo?

  • http://www.facebook.com/people/Leonardo-Lino-de-Campos/1136844369 Leonardo Lino de Campos

    Deus me livre! Tudo o que eu preciso é estar estacionando numa vaga e chegar alguém exigindo que eu saia porque achou a vaga pelo telefone. (Eu entendi que não funciona assim, mas o pessoal vai criar confusão.)